quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

113 – Viver (Ikiru) – Japão (1952)


Direção: Akira Kurosawa
Burocrata de longa data, que não liga para nada que não o interessa, descobre que está com câncer. Decide, então, construir um playground em seu bairro, tentando descobrir um sentido para sua vida.



“Não te odeio. Não tenho tempo para isso”.

Em Viver, Kurosawa dá a consciência da morte ao seu personagem, para dar vida a ele.

O seu existencialismo é recheado de reflexões e sutilezas, numa revisão da própria vida, das relações familiares e do conceito de felicidade. Kurosawa faz lembrar Yasujiro Ozu e sua delicadeza em abordar os dramas familiares, sob a perspectiva do ancião.

É o ciclo que segue: da morte até a vida, da vida até a morte.

Belíssimo filme do cinema japonês e mundial.


Download:
Torrent + Legenda

2 comentários:

  1. Olá Az tudo bom?
    Que bom ver que retornou a ativa e com gás, tenho passado por aqui e vendo que tem postado muita coisa boa. Ando sem tempo para ver filmes, vou acabar tendo uma crise de abstinência.
    Kurosawa faz parte do meu inventário dos cineastas prediletos (eu pretensiosa) não só pela genialidade de suas obras, mas também pela interrogação que o acompanha.
    abraço
    soli

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é... tô correndo atrás do tempo ganho! Faltam poucos dias/filmes pra terminar o ano...
      Poisé, Kurosawa era um diretor que eu tinha uma certa resistência. Mas depois, não resisti mais!
      abraço
      Az

      Excluir