terça-feira, 11 de setembro de 2012

215 - Caráter (Karakter) – Holanda (1997)



Direção: Mike van Diem
Roteiro: Ferdinand Bordewijk; Mike van Diem; Laurens Geels; Ruud van Megen
Polícia prende jovem acusado de matar seu próprio pai, um impiedoso homem da lei. Aos poucos, as lembranças do passado vão revelando a estranha relação envolvendo pai e filho.

O estilo de Caráter passa ao espectador a sensação de estar vendo uma obra literária, transposta ao audiovisual. E não dá outra, de fato o filme é uma adaptação do livro de Ferdinand Bordewijk, e o roteiro conservador transmite bem essa proposta.
A história não deixa de ser interessante. Nela, é possível ver as formas de amor atuando a partir de uma crosta intransponível de amargura e frieza, que conduz os três principais personagens: um juiz impiedoso, uma ex-empregada doméstica, e o filho bastardo, fruto dessa relação de uma única noite. Os pais, é possível afirmar, amam o filho indesejado. No entanto, a forma de amor demonstrada pela mãe é o silêncio eterno e a falta de afeto. Já o carinho do pai é colocado a partir de gestos cruéis e perversos, que se posta como inimigo do próprio filho, mas que é a forma encontrada para fazê-lo homem, ter ambições e crescer na vida. Enfim, são estranhas formas de amor, ainda que seja difícil chegar a essa conclusão, já que quase nenhum sinal de carinho é demonstrado ao longo da história.
Caráter é um bom filme, mas nem de longe justifica a sua escolha como melhor filme estrangeiro, do Oscar de 1997. 


Minha Nota: 6,8
IMDB: 7,7
ePipoca: 6,4

Download:

4 comentários:

  1. É um daqueles que filmes que me chamaram a atenção, mas que acabei deixando de lado e esquecendo.

    Esta é a nova chance de conferir.

    Abraço

    ResponderExcluir
  2. Pô, acho Caráter um filmaço. Delineado de forma tradicional, mas com uma força grande. Gosto de O que é isso Companheiro, mas acho esse superior. Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Acho este filme muito superior a "O Que É Isso, Companheiro?".
    Filmaço, realmente.

    ResponderExcluir