quarta-feira, 5 de setembro de 2012

209 - A Grande Ilusão (La Grande Illusion) – França (1937)



Direção: Jean Renoir
Roteiro: Jean Renoir; Charles Spaak
Em 1917, num campo de prisioneiros dos alemães, dois inimigos criam laços de amizade: o oficial alemão, que dirige o lugar, e o seu prisioneiro, ambos de origem aristocrática.

Um filme de guerra, sem guerra.
Talvez essa seja uma das melhores formas de representar os males bélicos. Ao invés de sangue, bombas e ferimentos, A Grande Ilusão se reserva a mostrar relações humanas. Os inimigos não estão no front, se digladiando.  Estão juntos, conversando, se conhecendo, se relacionando, ainda que cada um saiba muito bem o seu lugar, separados por celas e cadeados.
Desta forma, o filme consegue servir de manifesto anti-guerra, sem ser panfletário.
Pode não ter contribuído muito para o mundo, já que pouco tempo depois, Hitler, Mussolini e bombas atômicas espalharam terror e destruição pelo planeta. Mas, sem dúvida, A Grande Ilusão, entrou para o hall dos melhores filmes de guerra já vistos, e um dos poucos a retratar a I Guerra Mundial.


Minha nota: 8,1
IMDB:  8,1
ePipoca: 6,9


Download:

Nenhum comentário:

Postar um comentário