sexta-feira, 27 de julho de 2012

172 - E aí, meu irmão, cadê você? (O brother, where art thou?) – EUA (2000)



Direção: Ethan Coen; Joel Coen
Roteiro: Ethan Coen; Joel Coen
Filme baseado no Odisséia de Homero, mistura o humor estranho e típico dos irmãos Cohen ao retratar a fuga de três presos que buscam um tesouro.

O filme é estiloso.
Tem uma fotografia bem elaborada. Uma hipertextualidade, que traz o guitarrista Tommy Johnson; o criminoso Nelson Baby Face; a seita racista Ku Klux Klan; sem falar na própria Odisséia, cujo texto foi adaptado, como bem indica os letreiros iniciais do filme. Além disso, as interpretações musicais empolgam os amantes do blues e country.
Mas, o que é mais marcante no filme são as bizarrices que os três presidiários fugitivos encontram pelo caminho: mulheres sedutoras que transformam um homem em um sapo; um vendedor de bíblias ladrão; uma criança que acelera seu carro para fugir da polícia; os dois pares de trigêmeas; a vaca em cima do telhado. Enfim, são diversos personagens e situações bizarras.
Com todo esse repertório, os irmãos Coen abordam e muitas vezes debocham dos costumes sulistas dos Estados Unidos. Brincam com a religiosidade, que acompanha toda a narrativa, e suas águas capazes de perdoar e salvar; além de passear pelo universo político da região, onde o vale-tudo eleitoral produz uma espetacularização do processo, onde os ideais e programas de governo são substituídos por anões, apresentação de bandas e muito populismo (familiar, não!?).
Ou seja, E aí, meu irmão tem um roteiro inteligente e uma realização bem elaborada. O problema é a falta de ritmo, sobretudo na sua primeira metade.
E, cá para nós, o filme não chega a ser muito engraçado.


Minha Nota: 7,0
IMDB: 7,8
ePipoca: 8,6

Sugestão: Chumbo Grosso

Download:
Torrent + Legenda (rapidshare)
Torrent + Legenda (zippyshare)

3 comentários:

  1. Respostas
    1. Tenta agora pelo link do zippyshare.
      abraço!

      Excluir
    2. Esse filme é muito louco! Não canso de assistir!

      Excluir