quarta-feira, 11 de julho de 2012

155 - Ouro e Maldição (Greed) – Estados Unidos (1924)



Direção: Eric Von Stroheim
Roteiro: Eric Von Stroheim
Um ex-minerador que trabalha como dentista, se casa com uma de suas pacientes, então compromissada com seu primo. Tempo depois, a moça ganha na loteria. A partir daí, a riqueza conquistada passa a modificar a personalidade e a relação dos personagens, caminhando para um destino trágico. Versão adaptada e restaurada desse clássico da história do cinema.

Preparem as armaduras, as espadas e o café: o filme de mais de 4 horas vai começar. Mas, poderia ser pior. Poderiam ser 9.

Abaixo, trechos iniciais do filme restaurado. Esse texto já é suficiente para provar que vale à pena o esforço para encarar Ouro e Maldição.

No dia 12 de Janeiro de 1924 um pequeno grupo de espectadores compareceu à exibição de nove horas e meia do épico "Ouro e Maldição", de Erich von Stroheim, atendendo a um pedido do diretor.

Quando o filme estreou em Nova York, no dia 4 de Dezembro de 1924, ele teve a sua duração reduzida a pouco mais de duas horas, por ordem dos chefes do estúdio. O que foi perdido do filme é considerado como a maior tragédia da história do Cinema.

O material perdido tem sido chamado de "O Santo Graal" do Cinema.

O que nós tentamos fazer foi uma reconstrução da narrativa perdida que Erich von Stroheim originalmente  pretendeu contar.

“Não importa se eu pudesse falar para vocês por três semanas sem parar, ainda assim eu só poderia descrever uma pequena parte da dor que eu sofri pela mutilação deste meu trabalho tão sincero.” Erich Von Stroheim


Minha Nota: 7,3
IMDB: 8,1
ePipoca: -

Quem gostou desse filme, pode gostar de:

Nenhum comentário:

Postar um comentário