quarta-feira, 4 de abril de 2012

11 - Caché (Caché) – França (2005)

Caché (Caché) – França (2005)
Direção: Michael Haneke
Roteiro: Michael Haneke
Georges, apresentador de um programa de televisão sobre literatura, começa a receber fitas de vídeo com imagens suas e de sua família, além de desenhos aparentemente obscuros mas ameaçadores. Aos poucos os vídeos se tornam mais pessoais, indicando que a pessoa responsável conhece muito bem George. Ele sente que corre perigo, mas sem nenhum pista evidente a polícia se recusa a ajudar. Prêmio de melhor direção e prêmio da crítica internacional no Festival de Cannes de 2005.

Caché tinha tudo para ser um filme muito bom. Bem filmado, com um roteiro envolvente e misterioso, além de ótimos planos. Mas, o final destruiu tudo. O diretor propõe uma coisa, induz o espectador ao erro e, por fim, frustra as expectativas. É um filme egoísta.
Sei que deve haver uma polêmica em torno da avaliação dele. Inclusive, após assistir, fui à internet, tentar descobrir o sentido dele. Se tudo não passou de uma escolha infeliz do diretor, ou se eu é que não alcancei a “viagem” de Michael Haneke. Pude ler algumas interpretações de gente que realmente defendia o filme. Aliás, muita gente mais inteligente que eu, o considerou uma obra-prima. No entanto, nenhuma crítica, troféu de Cannes, ou coisa parecida me convenceu.
É porque eu não paguei, se não iria querer meu dinheiro de volta.
Minha nota: 6,6
IMDB:  7,3
MelhoresFilmes: 7,8

Download:
Torrent + Legenda

Torrent +Legenda (zippyshare)

4 comentários:

  1. qué isso! très bon le film...

    ResponderExcluir
  2. acabei agora de ver,para ser sincera achei uma tremenda seca.
    a história era interessante,mas o desenrolar do filme foi tão barato,pão sem sal!
    Vi que o mesmo director fez o filme Benny's video,outro filme que já estava a desesperar de tão aborrecido que era.Definitivamente, não verei outro filme do mesmo director.

    ResponderExcluir
  3. não sei como fui escrever barato...
    queria dizer lento,já para não falar das cenas que filmavam o mesmo local por tanto tempo que fui "obrigada" a passar à frente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. haha
      é... eu também não gostei... mas confesso que pretendo ver outras obras dele, só pra saber se o problema está com ele ou comigo...

      Excluir