sábado, 25 de março de 2017

11 - O Pequeno Diabo (Il Piccolo Diavolo) - Itália (1988)


Direção: Roberto Benigni
Roberto Benigni é o diabo em pessoa. Com 400 anos de idade, ele está cansado de sua monótona vida no inferno. Na busca de novos "ares", o pequeno e ingênuo diabo resolve encarnar-se em Giuditta, até ser exorcizado pelo Padre Maurice.


Pra quem gosta do humor de Benigni, tá aí mais um bom filme. Com menos política e mais amor, Il Piccolo Diavolo é uma obra simples, divertida e com algumas cenas hilárias.


Download:
Torrent + Legenda

quinta-feira, 23 de março de 2017

10 - Moonlight - Sob a luz do luar (Moonlight) - Estados Unidos (2016)

Direção: Barry Jenkins
O filme segue a história de Chiron, em três estágios da sua vida. Pré adolescência, final da adolescência e adulto.


Filme perdedor do Oscar!

Sem entrar no mérito, pois não vi os outros concorrentes, mas Moonlight não traz nada de excepcional. Nada que já não se tenha visto em filmes como Os Donos da Rua, Preciosa ou em outros filmes produzidos pelos quatro cantos.

Mas, não ser excepcional não faz dele um filme ruim. Pelo contrário, é um bom filme, que vale à pena ser visto. E tem um belo conjunto da obra: atuações, direção e fotografia excelentes. Sem falar que, em uma época de ascensão do ódio, do preconceito, de Trumps e Bolsonaros, filmes como Moonlight são um respiro, são necessários!



Download:
Torrent + Legenda

terça-feira, 21 de março de 2017

09 - Mary e Max: Uma Amizade Diferente (Mary and Max) - Austrália (2009)


Direção: Adam Elliot
Uma história de amizade entre duas pessoas muito diferentes: Mary Dinkle, uma menina gordinha e solitária, de oito anos, que vive nos subúrbios de Melbourne, e Max Horovitz, um homem de 44 anos, obeso e judeu que vive com Síndrome de Asperger no caos de Nova York. Alcançando 20 anos e 2 continentes, a amizade de Mary e Max sobrevive muito além dos altos e baixos da vida. O filme é uma viagem que explora a amizade, o autismo, o alcoolismo, de onde vêm os bebês, a obesidade, a cleptomania, a diferença sexual, a confiança, diferenças religiosas e muito mais.

Um filme feito lá do outro lado do continente, sobre pessoas, situações e relações que podem existir e acontecer em qualquer lugar do planeta.


Download:
Torrent + Legenda

domingo, 19 de março de 2017

08 - Tubarão (Jaws) - Estados Unidos (1975)


Direção: Steven Spielberg
Um terrível ataque a banhistas é o sinal de que a praia da pequena cidade de Amity, virou refeitório de um gigantesco tubarão branco, que começa a se alimentar dos turistas. Embora o prefeito queira esconder os fatos da mídia, o xerife local pede ajuda a um ictiologista e a um pescador veterano para caçar o animal, mas a missão vai ser mais complicada do que eles imaginavam.


Clássico!



Download:
Torrent + Legenda

sexta-feira, 17 de março de 2017

07 - O ato de matar (The Act of Killing) - Indonésia (2012)


Direção: Christine Cynn, Joshua Oppenheimer
Documentário traz entrevista com o líder paramilitar Anwar Congo e seus comparsas, incluindo o dono de um jornal, todos assassinos confessos vivendo livremente na Indonésia, orgulhosos de todos os seus crimes. Os diretores convencem Congo e sua gangue, que chegaram ao poder após o golpe militar de 1965, a encenar suas táticas de tortura e matança, como se fosse um filme de verdade, incluindo figurinos e efeitos especiais.


Tão ficcional, que até parece real. Tão surreal, que até parece filme. Tão próximo, que nem parece tão distante. 


Download:
Torrent + Legenda

quarta-feira, 15 de março de 2017

06 - A Espuma dos Dias (L'écume des jours) - França (2013)



Direção: Michel Gondry
Colin (Romain Duris) é um homem rico e despreocupado, que nunca precisou trabalhar. Tímido, ele nunca teve muito sucesso com as mulheres, até ser apresentado a Chloé (Audrey Tautou) durante uma festa. Apesar de um primeiro encontro desastroso, os dois se apaixonam e se casam. O casal está sempre cercado pelos amigos Nicolas (Omar Sy), um cozinheiro talentoso, oChick (Gad Elmaleh), um intelectual pobre, e a extrovertida Alise (Aïssa Maïga). Tudo caminha bem, até o dia em que Chloé é diagnosticada com uma doença rara: ela tem uma flor de lótus crescendo dentro do seu pulmão.


Filme do gênero "comédia-francesa-fofa-com-aquela-atriz-que-fez-Amelie-Poulain".

Recomendável para quem viaja nas viagens psicodélicas de Michel Gondry, pra quem gosta de comédias francesas fofas e é apaixonado pela Audrey Tautou.



Download:
Torrent + Legenda

segunda-feira, 13 de março de 2017

05 - O Colosso de Rodes (Il colosso di Rodi) - Itália (1961)


Direção: Sergio Leone
Um herói militar grego chamado Darios está visitando seu tio em Rodes, no ano de 280 antes de Cristo. A cidade acabou de construir um enorme Colosso em homenagem a Apolo para guardar o seu Porto e está planejando uma aliança com a Fenícia para atacar a Grécia. Ao mesmo tempo em que Darios flerta com a bela Diala, ele se envolve com rebeldes que querem tirar o tirânico rei Serse do poder. Mas os rebeldes são presos e colocados como diversão na arena. É quando um terremoto destrói não apenas o Colosso, mas também o equilíbrio político de Rodes.


Com orgulho, encerrei a filmografia de Sergio Leone assistindo o seu pior filme - como assim é conhecido, de forma unânime. Terminei pelo começo, vendo a obra inicial do rei do Spaghetti Western. O Colosso de Rodes nem é tão ruim quanto dizem, é palatável. De qualquer forma, depois desse filme, Leone teve a sorte de cruzar com Ennio Morricone e Clint Eastwood e sua vida - e sua filmografia - nunca mais foi a mesma.

O gênio Leone, com apenas 7 filmes na carreira, mas com uma grande contribuição para a história do cinema.



Download:
Torrent + Legenda

sábado, 11 de março de 2017

04 - Big Jato (idem) - Brasil (2015)


Direção: Claudio Assis
Um menino passa os dias a acompanhar o pai (Matheus Nachtergaele) no trabalho, ou melhor, nas estradas. O homem é motorista do imponente Big Jato, um caminhão-pipa utilizado para limpar as fossas da cidade sem saneamento básico.


Confesso que esperava um pouco mais. Talvez o ponto fraco, na minha percepção, tenha sido justamente o texto e a interpretação do protagonista, o "Seu Merdinha". Ou seja, alguns dos elementos mais importantes do filme. De resto, o que já conhecemos: Matheus Nachtergaele dando um show de atuação e Claudio Assis sendo preciso na direção, além de uma bela fotografia.


Download:
Torrent

quinta-feira, 9 de março de 2017

03 - Eu, Daniel Blake (I, Daniel Blake) - Inglaterra/França (2016)


Direção: Ken Loach
Um carpinteiro de 50 e poucos anos adoece e precisa do serviço de saúde pública. Ele se depara em seu caminho com uma mãe solteira cujas circunstâncias também a obrigam a procurar refúgio no estado.


Fazia tempo que eu não achava tão ruim um filme que, quase que de forma unânime, é considerado tão bom.

Mas, vamos lá. Achei o argumento e, sobretudo o discurso do filme, bastante frágil. Meio adolescente. É legal criticar o Estado, jogar luz sobre suas burocracias e deficiências do serviço público. Mas quando isso é feito desprezando a complexidade que envolve e/ou acarreta a própria ineficiência do Estado, corre-se o risco de o resultado ser algo caricato e superficial. Foi o que ocorreu no filme.

A ideia de "vamos só falar mal dos serviços público, tudo tem que dar errado para os personagens" acaba forçando um pouco a barra, tornando algumas situações previsíveis e outras "tá ok, já entendi, mas tem como ser mais profundo ou só vai ficar nesse denuncismo raso?".

Só que nada se aprofunda, fica raso. E vamos combinar, nada mais caricato do que os acontecimentos envolvendo a personagem feminina, de Kattie.

E a direção de Ken Loach, que poderia salvar o enredo, não vingou. Para mim, ficou a sensação de uma direção preguiçosa. Mesmo sendo um diretor tão experiente, que já fez tanta coisa boa. Mas algumas sequencias que poderiam ter tido uma atenção maior, melhor trabalhadas, pareceu terem sido feitas com descaso. A última sequencia, por exemplo. Ela, inclusive, simboliza essa apatia da direção. Foi a última, importante, que poderia ter sido muito mais impactante se tivesse um texto melhor elaborado e uma duração que explorasse mais detalhes das cenas e tocasse no coração do espectador, infelizmente foi brusca, meio oca.

Enfim. Se mais ninguém enxergou a obra com esse olhar, posso até fazer o esforço de rever o filme e revisar minha percepção. Mas, a princípio, nado contra a corrente: achei o filme caricato, superficial e mal dirigido.

E quem quiser ver um filme europeu, que traz crítica aos serviços públicos, mas de uma forma muito mais realista, profunda e bem dirigida, sugiro A morte do Sr. Lazarescu.


Download:
Torrent + Legenda

terça-feira, 7 de março de 2017

02 - Depois de Horas (After Hours) - Estados Unidos (1985)


Direção: Martin Scorsese
Logo após ao expediente, um editor de livros conhece e se interessa por uma garota em um café. Marca um encontro com ela, que mora no bairro Nova-yorkino do Soho, mas, no entanto, quando vai buscá-la, uma sucessão de acontecimentos inesperados acaba tornando sua noite a pior de sua vida.


Uma história kafkaniana, dirigida com maestria por Scorsese. Um filme divertido, intrigante e que reúne situações bizarras, personagens bizarros e desdobramentos bizarros. Aos poucos, alguns pontos vão se interligando e a história ganhando sentido. Ainda que o sentido seja, comicamente, bizarro.

Ótimo filme do diretor, fugindo um pouco de suas principais características e revelando outras facetas.


Download:
Torrent + Legenda